Não foi possível detectar sua localização. Selecione um estado de seu interesse para ver as melhores ofertas. X

Blog da Tegra

A importância do equilíbrio entre corpo e mente

Por que esse balanceamento é tão procurado? E quais os benefícios disso para as nossas vidas?

28/02/2020 • 10h00min • EM LIFESTYLE

A importância do equilíbrio entre corpo e mente

Já não é mais possível ver o corpo e a mente de forma separada. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), saúde é um estado em que se conquista pelo bem-estar físico, mental e social. Não é somente a ausência de doenças, como se acreditava antigamente.

Essa definição movimentou a sociedade a dar mais importância para ações e atitudes que promovem qualidade de vida e contemplam a saúde de forma ampla, como recomenda a OMS. As pessoas começaram a cultivar hábitos saudáveis como praticar atividades físicas e alimentar-se melhor. O que é positivo para todo mundo.

Mas por que esse equilíbrio é importante? O que está por trás dessa definição da OMS? E como podemos alcançar isso? O post de hoje é justamente para responder estas perguntas.

Como a falta de equilíbrio sobre corpo e mente nos afeta

Atualmente, com a rotina corrida e diversos desafios que vivemos, é possível manter o equilíbrio do corpo e da mente? A resposta é simples, mas nem sempre fácil de alcançar. Com tanta tensão, podemos acabar descuidando da saúde e deixar a qualidade de vida em segundo plano.

E é nessas horas que o nosso corpo utiliza as emoções para expressar seu estado. Por meio do riso, das lágrimas, das dores, suores, tremores, palidez e até mesmo desarranjo intestinal, ele sinaliza se está bem ou não.

Ficar de olho nesses sinais e buscar ajuda para reverter a situação é extremamente importante. Além das sensações citadas, o desequilíbrio entre mente e corpo pode se mostrar por meio de uma ansiedade, ou da baixa autoestima e até mesmo desenvolvendo um quadro de depressão.

Baixa autoestima:

Quando isso acontece, a pessoa começa a se sentir triste e insegura. Ela deixa de acreditar que tem valor e enxerga o mundo como uma constante ameaça. Pode levar a depressão, compulsão alimentar, insônia, irritabilidade e stress.

Ansiedade:

Todo mundo experimenta ansiedade no dia a dia. Na hora de falar em público, por exemplo. Mas algumas pessoas podem sentir de forma mais intensa e com mais frequência. Nesses casos, a ansiedade se torna patológica, gerando desequilíbrio físico, mental e emocional. Isso pode levar a tensões, ataques de nervos, problemas digestivos e muitas outras consequências.

Depressão:

Um transtorno mental que atinge diversas pessoas em todo o mundo. De acordo com a OMS, ela afeta mais de 350 milhões de pessoas ao redor do mundo. Pode acarretar alteração de humor, desinteresse, falta de concentração, cansaço excessivo, mudança de apetite e insônia.

Obesidade:

Ganho excessivo de peso sem o equilíbrio entre corpo e mente pode levar a problemas físicos e emocionais.

Como cuidar melhor do corpo

Um dos pilares para ter uma vida saudável é cuidar do corpo. E isso requer algumas atitudes. Nosso organismo necessita de uma alimentação equilibrada, composta dos nutrientes necessários para uma boa saúde.

Manter a saúde física requer mudanças de hábitos, como sair do sedentarismo — incorporando exercícios na sua rotina — e evitando alimentos que prejudiquem tanto o funcionamento do corpo como da mente. 

Da mesma forma, é imprescindível movimentar-se. Pessoas sedentárias são mais propensas à obesidade, problemas do coração e outras enfermidades que se desenvolvem por falta de atividade física.

Para isso, você pode escolher caminhar, correr, jogar futebol, praticar lutas ou fazer qualquer outro exercício que possibilite o movimento corporal, assim gastando energia. O que não pode é ficar parado.

Como cuidar melhor da mente

Além de cuidar do corpo, é preciso cuidar da mente. Ninguém pode ter qualidade de vida se não estiver mentalmente bem. De que adianta seguir uma dieta equilibrada e viver na academia se os pensamentos negativos são mantidos?

Uma pessoa consegue ter qualidade de vida quando se preocupa em atender às necessidades de ambos os aspectos: físico e mental. E esse equilíbrio significa compreender que é preciso ter uma visão integral da vida, assim como sugere a Medicina Tradicional Chinesa.

Ter saúde mental é administrar bem as diversas emoções que todos possuímos. É criar mecanismos com o intuito de gerar felicidade e bem-estar.

Ao procurar uma atividade física, escolher aquelas que têm como premissa trabalhar não só o corpo, mas também a mente. É o caso de artes marciais como o Kung Fu, que jamais será praticado tendo como foco apenas o aspecto físico. Quem pratica este esporte condiciona a mente ao mesmo tempo que treinam, trabalhando o foco e a concentração. Ou mesmo a meditação, que visa esse equilíbrio.

Receba nossas notícias e informações exclusivas diretamente no seu e-mail




Proteção de Dados Pessoais

A Tegra utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência
de acordo com nossa Política de Privacidade . Ao continuar navegando, você aceita estas condições.
Acesse nossa Política de Privacidade e saiba como tratamos dados pessoais.