Não foi possível detectar sua localização. Selecione um estado de seu interesse para ver as melhores ofertas. X

Blog da Tegra

5 Dicas para criar uma rotina produtiva no trabalho remoto

O home office tem se tornado cada vez mais comum entre os profissionais. Mas como não cair nas armadilhas do trabalho remoto? Venha descobrir em nosso novo artigo!

18/05/2020 • 10h00min • EM DICAS & DECORAÇÃO

Mulher negra durante o trabalho remoto

O home office pode trazer muitos benefícios para os profissionais. Dessa maneira, diversas empresas também estão desenvolvendo formas de equipar e seus colaboradores e gerenciá-los à distância. Assim, o trabalho ganha novos formatos, buscando o bem-estar e dando mais qualidade de vida aos colaboradores.

Entretanto, por mais vantajoso que seja, o home office demanda muita disciplina e, por que não, uma nova rotina. Por isso, existem muitas técnicas que podem ser implementadas por quem está começando a experimentar essa nova dinâmica, para que a casa não vire seu maior inimigo na hora de focar nas tarefas profissionais.

Em nosso novo artigo, vamos oferecer cinco dicas valiosas para manter o foco e a concentração durante o home office, evitando transtornos com seus colegas e separando muito bem os momentos profissionais dos pessoais.

Vamos lá?


MANTENHA UM AMBIENTE ORGANIZADO E PROFISSIONAL

Quando estamos trabalhando em nossas casas, temos a impressão de que o home office trata-se apenas de uma extensão de nossa vida do lar, ligando o computador pela manhã em algum cômodo e desenvolvendo as tarefas como bem entender, sem nenhum tipo de programação.

Essa liberdade é muito tentadora, mas este é o primeiro dos deslizes que muitos cometem. Por mais que você possa escolher onde e quando irá começar a trabalhar, é extremamente importante manter um local fixo para que sua mente associe aquele ambiente ao seu modo “trabalho”.

De preferência, mantenha este ambiente sempre limpo, organizado e repleto de materiais que remetam à sua vida profissional, como suas tarefas do dia, os relatórios que precisam ser entregues, as pautas que precisam ser completadas etc.

Contar com um local como esse facilita seu processo de concentração, melhora seu desempenho ao longo do dia e evita que sua cabeça se disperse com tantos estímulos extras que não existem no escritório.


NÃO RECORRA A LOCAIS “ACONCHEGANTES” OU QUE TIREM O SEU FOCO

Assim como mencionamos no ponto acima, trabalhar em casa é uma praticidade que acaba nos tornando muito cômodos e isso pode fazer com que você não crie um padrão de trabalho, executando suas funções em um lugar diferente a cada momento, sem o conforto necessário.

É muito comum vermos pessoas que estão trabalhando de casa fazerem suas tarefas em locais como sofás, poltronas ou até mesmo em suas camas. Afinal, esse é o principal benefício do home office, certo?

Errado. Evite ao máximo realizar estas atividades nestes locais, principalmente em uma posição horizontal. Ao fazer isso, seu corpo irá associar a atividade profissional com um local que é reconhecido pelo prazer do descanso e/ou do sono.

Isso pode fazer sua cabeça começar a trabalhar em um ritmo mais lento, sem tanto foco e com um reforço de que você poderá descansar sem ter necessariamente feito o que deveria ser feito, o que pode prejudicar suas entregas e, consequentemente, sua imagem perante os seus colegas de profissão.

Isso sem falar do prejuízo que ficar deitado com um notebook pode trazer para as suas costas. Por isso, o ideal é que seu principal lugar de trabalho conte com uma mesa e uma cadeira, para que você sente e recline suas costas na posição correta, evitando dores e desconfortos posteriores.


DIVERSIFIQUE SUA ROTINA COM OUTRAS ATIVIDADES

Falamos muito sobre como seu lar pode acabar sendo traiçoeiro para a sua nova rotina profissional em determinados momentos, mas nossa última dica consiste em justamente aproveitar o fato de podermos trabalhar em nossas casas.

Muitas pessoas acabam trabalhando dobrado, sem uma distinção exata do momento em que devem parar e ir descansar para o dia seguinte, algo que fica muito mais claro quando temos a separação entre casa e escritório.

Para evitar a síndrome de burnout, que se trata da sensação contínua de esgotamento físico e mental causado pelo trabalho, é importante estabelecer atividades diferentes em horários específicos para que sua cabeça entenda a separação entre os momentos dedicados à carreira e ao lar.

Opte por sempre cozinhar e lavar sua própria louça nos momentos de almoço e jantar, pois estas atividades demandam concentração e ajudam a quebrar os ciclos da manhã e da tarde, que normalmente são dedicados inteiramente para o trabalho.

Também esteja presente em atividades sociais com seus filhos (caso tenha), assistindo televisão ou fazendo brincadeiras. Isso também permite espairecer durante um dia de trabalho.


VISTA-SE DE ACORDO COM A OCASIÃO

Como já falamos aqui, o maior obstáculo para enfrentarmos durante o home office é a indisciplina. Um fato que pode contribuir muito para isso e pode passar despercebido para muitas pessoas é a maneira como você está se vestindo para fazer suas atividades profissionais durante esse período.

Ficar de pijama parece uma alternativa razoável e confortável, pensando justamente no comodismo de estarmos em nossas casas, assim como normalmente fazemos durante os finais de semana, por exemplo. Mas essa é uma prática que pode nos prejudicar muito, quebrando justamente os parâmetros de produtividade que estabelecemos com nossa rotina de costume.

Procure sempre se vestir da maneira mais próxima possível àquela que você também utilizava para ir ao seu escritório. Caso seu trabalho oferecesse a opção de roupas mais casuais, tente utilizá-las também na sua casa de maneira confortável e prática, não necessariamente utilizando todos os outros acessórios, como tênis e relógios.

Se seu trabalho demandava algo mais formal, como ternos ou roupas sociais, procure utilizar peças mínimas, como as camisas combinadas com calças jeans, por exemplo. Mas sem exagerar, é claro. Não é preciso vestir um terno inteiro sem necessidade apenas para ficar na sua casa.

Essa prática ajuda a fixar nossa nova rotina de maneira mais rápida, além de também nos deixar mais preparados para situações inesperadas durante o home office, como uma vídeo chamada com pessoas em cargos de gerência ou até mesmo um call com a sua equipe. Isso demonstra um exemplo de profissionalismo e excelência que são muito importantes durante esta fase.


CONTE SEMPRE COM O MELHOR DA TECNOLOGIA 

Assim como o seu local de trabalho em casa, os dispositivos e aparelhos nos quais você possui são essenciais para manter a qualidade do seu trabalho durante o período de home office.

Contar com modelos de notebook avançados e atualizados ajudam a implementar essa prática de maneira rápida, além de também evitarem desconfortos como possíveis pausas por conta de uma sobrecarga no processamento das máquinas, atrasos no envio de documentos importantes ou uma demora para responder seus colegas nos grupos oficiais de trabalho.

Assim como os dispositivos, esteja sempre em dia com programas e softwares importantes para executar suas funções, como o Pacote Office, ou para salvar arquivos, como o Google Drive ou OneDrive.

Foque também em encontrar canais que facilitem a comunicação da sua equipe, como o Slack ou Microsoft Teams, e que ofereçam o máximo de opções e facilidades para agrupar todas as necessidades do seu time em um único lugar.


Veja também:

 - O Que É Personalização De Apartamentos E Por Que Devo Fazê-La?


Gostou de aprender mais sobre o home office e como deixa-lo ainda melhor? Não deixe de conferir nossas outras dicas no blog da Tegra. Temos certeza de que você irá adorar!

Receba nossas notícias e informações exclusivas diretamente no seu e-mail


;